23 de janeiro de 2006

Uma forma de acordar diferente

Se vocês são daqueles que acordam com a garganta seca, então é provável que levem um copo com água para a mesa-de-cabeceira. Parece que Peter Brooren pertence a esse grupo, pois foi ele o autor desta nova engenhoca, o “Analog Awakening”, que combina um despertador com um copo de água.
O mais extraordinário nesta solução é que o som do alarme é determinado pela quantidade de água no copo!!! Mais água, som mais baixo, menos água, som mais elevado…

Podem vocês perguntar: então e qual a utilidade desta coisa?
Boa pergunta.
Eu não sei responder… não faço ideia nenhuma… mas achei este conceito tão estapafúrdio que quis partilhá-lo…ele há dias assim!

3 comentários:

jojo disse...

falta a tampinha para não entrar o pó :D
se o dono do copo não for preguiçoso, de cada vez que beber água torna a enchê-lo :D

Atom Ant disse...

Será que com pó o som fica diferente??? E sem copo? E será o relógio à prova de água?

Fabs Costa disse...

Eu queria estar quietinha, com as mãos atadas atrás das costas, mas quer o destino que assim não seja...

A culpa é da vontade diria o António Variações, ou..., será que a água sem pó sabe á mesma coisa que a água com pó?

Ou será que a água com pó prejudica a audição do despertador, funcionando como ruído intransponível sujeitando a fortes perturbações o sistema linfático do individuo que guia um tractor numa auto-estrada?

E será que se a água estiver muito fria pode alterar a hora para uns dias antes como o vira-o-tempo que a Hermione, a amiga do Harry Potter, usou no prisioneiro de Azkaban?

Pois...

Há dias tramados, bem sei...

Fez a senhora dona atom ant, muito bem...