14 de setembro de 2006

Meter o Rossio na rua da Betesga



A expressão popular, “meter o Rossio na rua da Betesga” (o mesmo é dizer, fazer passar um elefante pelo buraco da agulha) exprime exactamente aquilo que este projecto é. Por vezes, o maior desafio do designer é lidar com exigências opostas e contraditórias num mesmo projecto. Neste caso, como meter um apartamento dentro de um camião? Como satisfazer constrangimentos tão diversos como o alcance e o espaço livre? Como encontrar espaço para adoptar as posturas correctas? Como satisfazer requisitos de conforto, higiene e segurança?

O sucesso deste projecto reside, sem dúvida, na negociação, nas pequenas cedências, nas soluções engenhosas. Para se conseguir alcançar tal solução é preciso saber raciocinar e analisar muito bem o sistema, ponderar todas as variáveis em jogo… é como num jogo de estratégia… sem clareza de objectivos nada feito!

Para mim, este é um excelente desafio projectual que põe em jogo as capacidades criativas do designer, os seus conhecimentos técnicos e as metodologias e ferramentas da ergonomia.

Vai uma voltinha?...

1 comentário:

Fabs Costa disse...

Encanta-me muitíssimo!
Quero um para mim!...